Ratinho Junior lança plano de governo e pede “mudança”; veja as propostas

15.08.2018

 

O candidato ao governo do Paraná, Ratinho Junior (PSD), apresentou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) seu plano de governo, cuja palavra de ordem é “mudança”. O documento foi disponibilizado nesta terça-feira (14), elencando as propostas para cada área prioritária. Segundo o texto, o programa foi construído em conjunto com entidades da sociedade e com a participação de mais de 300 pessoas, especialistas “nas mais diversas áreas do saber”.

 

“Chegou a hora de o Paraná dar um salto. De romper de vez com os vícios do passado. Não podemos mais esperar por essa mudança: temos que fazê-la juntos. Nós mesmos. Não no futuro: fazer hoje. Chegou a hora de mudar, Paraná”, consta da apresentação.

 

DESEJOS PARA O PARANÁ: eficiência administrativa

Apesar de se estender por 178 páginas, o plano de governo de Ratinho Junior apresenta poucas propostas efetivamente concretas – com o estabelecimento de metas mensuráveis. Entre elas, está a redução em 50% do número de secretarias de governo, “para que as estruturas se comuniquem melhor” e “simplifiquem os processos complexos”. O candidato também propõe o uso de táxis por agentes do governo, como forma de diminuir a frota oficial do governo.

 

Nas políticas relacionadas à indústria e ao comércio, Ratinho Junior se compromete a promover o que chama de “revisão tributária”, revisando “a carga tributária de alguns produtos e serviços”, o regime de Substituição Tributária do ICMS. O candidato também se dispôs a reduzir o tempo gasto para abrir e fechar empresas e para concessão de limpeza. Ele também defendeu a flexibilização de regras no setor industrial e maior agilidade na concessão de licenciamentos ambientais.

 

conheça os candidatos - Ratinho Junior

 

 

Ratinho Junior elegeu, entre as áreas prioritárias, a saúde, a educação e a segurança pública. Em relação à saúde, há algumas propostas mais genéricas, como o fortalecimento da atenção primária à saúde, ao acesso a consultas e exames especializados e da oferta de leitos de UTI. Por outro lado, o candidato menciona algumas políticas concretas, como a criação da 5ª Macrorregião de Saúde – que abrangeria as regiões de Guarapuava, Irati e Ponta Gross –, a elaboração de um plano diretor da saúde e implantação do Hospital de Urgência e Emergência na área norte da Região Metropolitana de Curitiba.

 

Na educação, o candidato propõe a criação de “um painel de boas práticas” que contemple os melhores projetos que podem impactar em uma melhoria do Índice da Educação Básica (Ideb). Ratinho Junior também defende a ampliação da oferta de cursos em geral e de cursos técnicos e uso das escolas em tempo integral “nos locais em que a comunidade opte por essa iniciativa”.

 

 

Segurança

Entre as propostas para a segurança pública, o plano menciona a criação do programa “O Bom Policial”, que reconhecerá o trabalhos de policiais em seu trabalho diário e no cumprimento de missões. Ratinho Junior também menciona o investimento em Bases Móveis de Policiamento Ostensivo “com tecnologia de ponta, para atendimento de locais com maiores incidências de violência”; a aposta no policiamento comunitário; e a construção e readequação de presídios.

 

Pedágios

Ratinho Junior se comprometeu a “negociar coma União a renovação do convênio de delegação das rodovias federais do anel de integração” e a definir um novo modelo de concessão para a malha rodoviária. O plano elenca ainda trechos que seriam prioritários para obras de duplicação, todas no interior do estado. Em relação à rede ferroviária, o candidato afirma que vai definir o traçado básico e o modelo de concessão do “Corredor de Exportação Oeste-Leste”, entre Dourados, no Mato Grosso do Sul, e Paranaguá, no Litoral do Paraná.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Publicando o impublicável desde 2011

  • Facebook Black Round
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now