Lindbergh tem candidatura impugnada pela Procuradoria Eleitoral

Jornal GGN - A Procuradoria Regional Eleitoral no Rio de Janeiro impugnou o registro de candidatura de Lindbergh Farias (PT), candidato à reeleição no Senado. O argumento é que o Tribunal de Contas do Estado do Rio reprovou as contas da Prefeitura de Nova Iguaçu sob o comando do petista. OTribunal Regional Eleitoral do Rio decidirá sobre o pedido.


O procurador regional eleitoral Sidney Madruga usou a Lei da Ficha Limpa para sustentar que candidatos condenados por órgãos colegiados, como os tribunais de contas, ficam inelegíveis por oito anos. Ele pediu ao "TRE-RJ que seja dada, se necessário, a oportunidade de produzir prova testemunhal e documental. A corte agora notificará o senador, para que ele se defenda", escreveu o Conjur.


A gestão de Lindbergh foi condenadao porque o TCE-RJ entendeu que houve irregulares na dispensa de licitação e no contrato entre a Prefeitura e a Fundação Apoio à Universidade do Rio de Janeiro. A consultoria de R$ 1,9 milhão serviu "para um diagnóstico de áreas, com levantamento topográfico, econômico, social e fundiário." O Tribunal de Contas indicou "superfaturamento de R$ 198 mil para o aluguel de vans para transportar equipes."


Com informações do Conjur


https://jornalggn.com.br/noticia/lindbergh-tem-candidatura-impugnada-pela-procuradoria-eleitoral

Publicando o impublicável desde 2011

  • Facebook Black Round
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now