Medicina em Cornélio Procópio na UENP e de Nutrição em Londrina na UEL.

Governadora Cida Borghetti confirma curso de Medicina em Cornélio Procópio, e de Nutrição em Londrina, no norte paranaense.


A governadora Cida Borghetti assinou a criação dos cursos de Medicina da UENP, Universidade Estadual do Norte do Paraná, e de Nutrição da UEL, Universidade Estadual de Londrina. A solenidade aconteceu no Palácio Iguaçu, em Curitiba. Para a governadora, as duas novas graduações vão atender uma demanda crescente do atendimento à população na área da saúde pública.

Com a presença de uma carvana de autoridades e imprensa procopense, o prefeito Amin José Hannouche, entra para a história do municipio e do nortde do Paraná. Amin fez um discurso emocionado e de gratidão aplaudido por todos.


A UENP será a sexta universidade estadual a ofertar o curso de Medicina. Serão 40 vagas no campus de Cornélio Procópio, com previsão de início em 2020 e vestibular já no ano que vem. Anualmente, são ofertadas 240 vagas para a área nas Universidades Estaduais de Londrina, Maringá, Ponta Grossa e na Unioeste. A partir de 2019, a Unicentro, de Guarapuava, também terá 40 vagas no curso de Medicina.


Com isso, a demanda pela formação de médicos no Paraná será descentralizada, além de haver uma promoção de atendimentos de alta complexidade na saúde, desafogando grandes centros urbanos do Estado, como Londrina e Curitiba.


A reitora Fátima Padoan explicou que a UENP vai utilizar a estrutura hospitalar que já existe nas regiões Norte e Norte Pioneiro para as aulas práticas, com estudantes presentes também estarão nas cidades de Bandeirantes, Jacarezinho, Santo Antônio da Platina e São Jerônimo da Serra.