Reunião de Planejamento do Outubro Rosa traz a presença da primeira dama do Estado Luciana Massa

26.08.2019

 

 

Na foto com os diretores da Regionais de Saúde de Cornélio Procópio, Claudio Cordeiro da Silva Filho e de Jacarezinho Antonio Palhares, acompanhados da primeira dama do Estado, Luciana Massa, destacaram a importância do Outubro Rosa, mês dedicado à prevenção do câncer de mama e de colo de útero, programa o qual Luciana é madrinha. " É tempo de garantir qualidade de vida’ vamos iniciar o mês dedicado à conscientização sobre a prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama e aos cuidados com a saúde da mulher" declarou a primeira dama.

 

com a presença de vários diretores e profissionais da área de Saúde do Paraná, o evento de trabalho e planejamento da continuidade ao lançamento do programa que deve interagir em 44 (quarenta e quatro) municípios nas ações deste evento tão importante para saúde da mulher.

 

O Outubro Rosa é um movimento internacional de mobilização contra o câncer de mama que surgiu em 1997 nos Estados Unidos. Desde então, são realizadas ações no mundo inteiro com o objetivo de conscientizar as pessoas em relação à prevenção do câncer de mama pelo diagnóstico precoce e o tratamento imediato, evitando mortes pela doença.

 

CÂNCER DE MAMA

 

    Esta campanha lembra às mulheres que é preciso fazer pelo menos uma consulta de check-up ao ano. O Paraná conta hoje com 135 mamógrafos que atendem pelo SUS nas 22 regionais de saúde.

 

    É o tipo de câncer mais comum e uma das principais causas de morte em mulheres. Se detectado na fase inicial, as chances de cura são grandes.

 

Sinais e sintomas:

- Secreção no mamilo

- Nódulos (caroços) palpáveis na axila

- Nódulos (caroços) na mama, com ou sem dor

- Alterações na pele que recobre a mama e o mamilo, deixando-os com aspecto semelhante à casca de laranja

CUIDADOS 

 

O câncer de mama é o câncer que mais causa morte entre as mulheres, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca). O risco cresce, principalmente, após os 50 anos.

 

Foto: A do meio é Maria Goretti, Diretora de Atenção e Vigilância em Saúde – DAV. Da esquerda para a direita, José Dalmi, diretor da 2 RS, região metropolitana, Ronaldo Trevisan Medico Veterinário da 19 RS Jacarezinho, Abreu Diretor da 1 RS Paranaguá, Antonio Palhares e Claudinho da 18 RS

 

Por isso, diagnóstico e tratamento precoce são essenciais para a cura. Em Curitiba, a acompanhamento da saúde da mulher pode ser feito nas 111 unidades básicas de saúde. É a unidade que encaminha a mulher para a realização da mamografia em um dos prestadores de serviço da rede.

 

Para mulheres com 50 anos ou mais, a mamografia de rotina é feita a cada dois anos. Quem tem ou teve algum familiar com câncer de mama ou de ovário, deve procurar orientação na unidade de saúde para realização precoce de acompanhamento.

 

Outra recomendação é a realização periódica do autoexame das mamas. Caso alguma alteração seja encontrada, deve-se procurar um profissional de saúde. “Nós não temos fila para marcação da mamografia, então é importante que as mulheres busquem a sua unidade de saúde para fazer o acompanhamento”, enfatiza Márcia.

 

 

Prevenção para as mulheres

 

- Evite o consumo de álcool, cigarro e outras drogas;

- Controle o peso com uma alimentação saudável;

- Lembre-se também que a amamentação ajudar a proteger contra o câncer de mama;

- Faça regularmente o autoexame das mamas, logo depois do período menstrual. Caso encontre alguma alteração, procure um profissional de saúde;

- Se você tem ou teve algum familiar com câncer de mama ou ovário, procure orientações de um profissional de saúde;

- Se você tem 50 anos ou mais, o exame de rotina deve ser feito a cada dois anos;

-  A rede pública oferece em 110 unidades básicas de saúde vacinação contra o HPV para a meninas de 9 a 14 anos. A vacina protege contra o câncer de colo de útero. Vista rosa pela saúde da mulher, PARTICIPE!

 

Diagnóstico precoce – No evento, além de palestra e uma apresentação (coreografia de lenços), haverá ainda uma exposição que tem por tema o câncer de mama e de colo de útero. As doenças são as mais comuns e as principais causas de morte entre as mulheres brasileiras. Riscos que elas podem reduzir fazendo exames preventivos para garantir o diagnóstico precoce e a cura dessas graves doenças. A exposição foi cedida pelo Ministério da Saúde e é composta por 20 banners para cada tema. 

Rosa da prevenção - O Outubro Rosa, movimento internacional de mobilização contra o câncer de mama, surgiu nos Estados Unidos em 1997. No Brasil, as campanhas de conscientização iniciaram em 2002 e desde então monumentos são iluminados pela cor rosa e inúmeras ações são realizadas alertando para a prevenção precoce da doença. 

 

Foto 3: Claudio Cordeiro com Maria Goretti e o prefeito Nenê de Congonhinhas.

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Publicando o impublicável desde 2011

  • Facebook Black Round
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now