OMS anunciou na semana passada a retomada dos testes solidários com hidroxicloroquina,

Hidroxicloroquina

Substância é uma das várias sendo estudadas para tratar covid-19

A OMS anunciou na semana passada a retomada dos testes solidários com hidroxicloroquina, uma semana e meia depois de anunciar que ia suspender os testes com o medicamento. A substância é uma das várias sendo estudadas para tratar pacientes com sintomas severos de covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.


A organização havia suspendido os testes com o medicamento, indicado para o tratamento da malária e de doenças autoimunes, por preocupação com a segurança do remédio para tratar de pacientes com covid-19.



Entenda por que as pesquisas com Hidroxicloroquina foram retomadas


Desde então, os dados sobre a hidroxicloroquina foram revistos pela equipe de Testes Solidários e, "com base nos dados de mortalidade disponíveis, os membros do comitê disseram que não existem razões para modificar o protocolo de testes", disse o diretor-geral da OMS, segundo Tedros Adhanon.


Assintomáticos


Novo coronavírus é responsável por provocar a doença covid-19

A OMS declarou no início da tarde que a transmissão do novo coronavírus por pessoas assintomáticas acontece, mas ainda não se sabe a dimensão desses casos. O esclarecimento veio depois que a líder do programa de emergências da entidade , Maria van Kerkhove disse que a transmissão por pacientes sem sintomas da doença parece ser "rara".


Após críticas à sua declaração, Maria fez esclarecimentos em rede social na noite de ontem. Ela postou um guia da OMS com recomendações sobre o uso de máscara, que reúne informações sobre a transmissão da covid-19 com base nos estudos já feitos sobre o tema.